sexta-feira, 25 de julho de 2008

Dolce fare niente



Oficialmente, inicia-se hoje o período de dolce fare niente. Oficiosamente, como atesta a (in)actividade do blog, esse tempo há muito que se iniciou...

Dormi mal... O calor dos último dias insiste em depositar-se integralmente na minha habitação. Abri as janelas, na esperança de plantar correntes de ar e, assim, espantar os excessos da canícula. Se calhar, não fiz bem... Acordei de madrugada com o alarido da chuva e dos trovões, enrolei-me com mais força nos lençóis, procurando remeter a intempérie para um espaço subconscientemente onírico, mas a manhã molhada, cinzenta e pesada empurrava-me para a realidade de uma cidade onde o verão é uma farsa colectivamente encenada.

Fico pelo burgo, nestas férias. Ainda não resolvi o problema da tv cabo e caso o sol insista na greve, sem atender aos serviços mínimos a que a estivalidade obriga, terei de arranjar forma de me (in)ocupar. E isto introduz um factor de stress de insegurança ontológica: as manhãs reservarão sempre a surpresa de adivinhar qual a estação do ano a usufruir. Não me agrada!

Defini objectivos mínimos para este tempo, tão só, reforçar a frente de batalha do desânimo, do desalento e do cansaço. So help me... someone!

Foto: "Brisa do entardecer", de Luís Lobo Henriques

12 comentários:

Nikky disse...

No meu burgo é Verão tal como o imaginamos... Eu vou aproveitar parte das férias para pôr as leituras em dia.

Kitty Fane disse...

Boas férias. Have fun. :-D

Ervi Mendel disse...

Para o cansaço há uma coisa óptima chamada dormir.

Desânimo e desalento são a mesma coisa e eu proponho:
- visitas à periferia
- livros, música e filmes/séries uplifting
- evitar pensar
- shopping spree

Osga disse...

Concordo com a shopping spree.

:D

Pips disse...

Chamem-me Preguiçosa com P maiusculo, mas há lá melhor coisa do que não fazer porra nenhuma???
Para mim não há...:)

Tempus_Fugit disse...

Espero que cumpras bem mais do que os mínimos... Boas férias.

Xinha disse...

Hmmmm já vi que não fui a única a dar férias ao blog:)

Teresia disse...

Férias!!!! Tão bom...... Diverte-te =)

Pips disse...

Clepsydra...volta! Venho aqui toooodos os dias na esperança de que já tenhas regressado!!!

Paradoxos disse...

Depois - volta - ta?

Tempus_Fugit disse...

Cara Clepsydra,
Sentimos a falta da prosa baroca e intrincada, da metáfora que é perfeita apesar de rebuscada, da tua escrita com tanta alma... Caso tenhas desistido, deixado o tempo fugir definitivamente sem sentir falta de fixar um ou outro momento aqui, deixa que te diga, foi um prazer ler-te ;-)

Clepsydra disse...

Neste tempo em que não escrevi no blog, raramente o visitei e muito raramente visitei outros espaços. O post de hoje nasceu "daquela" vontade que lá descrevo, mas também de cada um do vossos comentários, Tempus_Fugit, Paradoxos, Pips, Teresia, Xinha, Osga, Ervizinho, Kitty e Nikky.

A vontade de escrever já consegui satisfazer a curiosidade e vontade de vos ler ainda me vai levar uns dias até apaziguar completamente.

Um beijo que ora foge, ora regressa!